SPFW n47 acontece entre os dias 22 e 27/04 no espaço ARCA

QUAL É A SUA UTOPIA? Em tempos de mudança, polarização e transição, buscamos novos espaços e   narrativas que ecoam o desejo de mudar o mundo….

Leia mais

Quem já se hospedou no Tauá Grande Hotel Termas de Araxá, com certeza se encantou com a magnitude da edificação, o hotel é o Maior Castelo do Brasil e por se só, é encantador.

Mas em um pequeno tour pelo mega empreendimento, você se encanta com tudo, a história, cada detalhe, as termas, a gastronomia é fantástica, o Chef Torres sempre se esmera com sua super equipe para as milhares de refeições diárias (rs), o menu é muito diversificado, não deixando de lado quem está em dieta ou é celíaco por exemplo.

Dica importante, façam o tour guiado para conhecer toda história que é encantadora.

Mas agora, vou direto ao assunto principal, se hospedar no Tauá Grande Hotel, é mágico, mas ser convidado para se hospedar na “Suite Presidencial” onde Getúlio Vargas, Juscelino Kubitschek, dentre muitos outros presidentes, foi sensacional.

Levei minha família para se hospedar na suíte presidencial e vou contar tudo pra vocês.

Ao entrar na suíte, fiquei encantado com a beleza de tudo, os móveis, lustres, tapetes, é realmente muito glamorosa e luxuosa, é um patrimônio histórico e tudo é preservado desde 1944.

A suíte presidencial, tem 10 cômodos ao todo. Vamos iniciar pelo hall que é dividido pelas suítes presidencial e governamental, a diferença entre as duas, são muito pequenas, como conheci as duas, posso falar que a governamental é um pouco menor, a sala de estar e o banheiro do quarto principal, mudam as cores.

Agora já dentro da suíte, a sala de estar, é decorada com cortinas, tapete, lustres de cristais e móveis da época, além de obras de Roberto Burle Marx, as paredes são um rosa seco, realmente muito chic. Os funcionários brincam, que a suíte é mais tombada pelo patrimônio histórico do que o próprio hotel, os móveis não são trocados para que seja mantido toda história do local. A edificação e móveis são tombados pelo Patrimônio Histórico de Minas Gerais.

Curiosidades da suíte, em 1944, um costume trazido da França, os casais não dormiam juntos, por isso, são duas camas de solteiro no quarto principal, e quando é solicitado, as camas são unidas para que se torne cama de casal, e sim, você pode dormir na cama onde Getúlio dormiu, e por isso o título da matéria.

O banheiro é um capítulo à parte, 100% revestido em pedra, me informaram que é mármore carrara, mas acredito ser ônix, pesquisei e não encontrei informação para passar para vocês, mas independente de que pedra seja, é simplesmente encantador, as paredes também são revestidas de alabastro italiano, os detalhes incríveis.

Na época de Getúlio, os banhos das termas eram preparados diretamente na banheira da suíte, para que ele pudesse usufruir de tudo, sem sair da própria.

Outra curiosidade, é a mesa do banheiro, existe uma mesa de centro no banheiro com duas cadeiras, ela era usada para assinatura de documentos e foi solicitada pelo ex presidente Fernando Collor de Melo.

Passando para a sala de jantar, as cortinas vieram da República Tcheca, os lustres são franceses e os tapetes são persa. Na outra sala, que é uma união de sala de estar e jantar, juntas, tem uma mesa de jacarandá para 8 pessoas e mais conjuntos de sofás de veludo verde.

Dizem que nesta mesa de jacarandá, foram assinados muitos documentos importantes. Nesta mesma sala, tem uma “porta secreta” por onde os convidados poderiam entrar sem incomodar a família hospedada no interior da suíte, a mesma porta também poderia ser usada para Getúlio ou outro presidente, em alguma emergência.

A suíte, é composta por mais um banheiro todo equipado, mais um quarto, uma saleta, além da varanda principal que fica para a frente do hotel, tem mais 3 pequenas varandas, duas são localizadas no quarto principal.

A experiência realmente foi incrível, amamos tudo, a suíte e tudo que o hotel e as termas podem oferecer, recomendo e indico para todos.

Eu por exemplo, não vejo a hora de me hospedar no Tauá Grande Hotel novamente, aproveito a Lu Lima, em nome de toda equipe Tauá, para agradecer, a hospedagem e o misto de sensações que sentimos.

Compilado de vídeos do insta:

*Informativo Tauá Grande Hotel Termas de Araxá:

O MAIOR CASTELO DO BRASIL

A construção do Tauá Grande Hotel Termas de Araxá foi iniciada em 1938 e sua inauguração ocorreu em 1944, pelo então presidente Getúlio Vargas e o governador de Minas Gerais, Benedito Valadares.

Os jardins e todo o projeto paisagístico do Tauá Grande Hotel Termas de Araxá foram criados pelo famoso pintor e paisagista Roberto Burle Marx. O estilo arquitetônico é o mesmo encontrado nas antigas construções coloniais da América espanhola, em países como Colômbia e Venezuela.

Internamente, o Tauá Grande Hotel Termas de Araxá segue o estilo neoclássico, com colunas, capitéis e arcos. Suas paredes são revestidas com barro avermelhado, o que simboliza a simplicidade.

Em 2010, o Tauá Grande Hotel Termas de Araxá passou a fazer parte da Rede Tauá, unindo-se ao Tauá Resort Caeté, também em Minas Gerais, e ao Tauá Hotel Atibaia, no interior de São Paulo, oferecendo aos seus hóspedes toda a grandiosidade, a flexibilidade e a qualidade no atendimento da Rede Tauá. Além de uma estrutura de lazer completa o Tauá Grande Hotel e Termas de Araxá oferece em suas diárias café da manhã, almoço, um delicioso chá da tarde e jantar. Uma pensão completa para que sua estadia seja inesquecível no maior castelo do Brasil. Não aceitamos animais de estimação.

Comentários