Entrevista Flammarion Vieira

Onde nasceu e cresceu? Já morou no exterior?
Cruz Alta RS- cresci em Brasília sim morei em Lisboa e Modena (Itália).

Qual a sua formação? tenho especialização em joalheria, fiz curso na Europa, mas não optei em fazer nenhum curso superior.

Quais são suas principais influências?
Dadaísmo como prática de pensamento e desenvolvimento das obras, mas fui bem impactado no começo por vários artistas Brasileiros, Samico, Tarcila, Érico veríssimo,Guimarães Rosa está sendo meu queridinho atualmentemas o mago estrela máxima foi o Farnese de Andrade…. dai segui com Frida Kahlo e outros tantos mestres, arte não tem fronteiras…..

Como desenvolveu seu estilo?
como todo artísta a gente acaba procurando se espelhar nos ídolos, mas é apenas uma breve passagem necessária para nosso desenvolvimentoficamos postergando a verdadeira força que temos, mas quando maduro externamos e ai a mágica acontece, foram muitas pesquisas e prototipações, obras que não deram certo, até achar um olhar que eu me identifiquei e assumi, gosto do antigo com uma pegada de humor moderno.

Como você define a sua arte?difícil né? rsrsrsrs como todo artista acha única eu também a acho, mas defini la seria deixá-la amarrada em uma definição exclusiva, dai deixo aberta para um abertura maior para o olhar do outro.

Seria considerado pop art?
de certa maneira sim, como eu disse vou do muito antigo ao contemporâneo sem perder a pegada pop.

A pop art se manifesta no simples com uma forte crítica à cultura de massas. O que você pode falar sobre essa mistura de ideias?
A pop art é a síntese da cultura da economia do consumo, a concretização bem humorada de imagens fortes e impactantes que nos fazem refletir essa mistura é bem a cara do raciocínio e olhar de artistas a frente do seu tempo, revolucionários!

Você já teve sua arte replicada sem sua autorização?
Eu fiz algumas campanhas para a westwing há alguns anos atrás e me chegou via link de alguma pessoa na época um site na china com alguns desenhos meus, eles haviam pego a imagem da westwing e replicaram em algum produto, se não me falha a memória foram almofadas. Mas hoje em dia não é difícil que alguém baixe algum desenho e utilize-o.

Como recebe as opiniões dos críticos de arte?
nunca recebi nada de nenhum crítico, os meus críticos e termômetros são os meus seguidores.

A sua arte na sua opinião é um produto comercial?
sim são, os desenhos que faço usando imagens de creative commons são 100% para produtos, até hoje eles tem se prestado bem à arte e ao desenvolvimento de produtos. como sou boutique, tenho uma gama de possibilidades de produtos mas com a tiragem restrita.

A sua arte é um mix de pintura, colagem, digital com as impressões, pretende navegar por outras áreas?sim sempre pensando em fazer algo diferente e inusitado, ou pegar algo extremamente comum e dar uma nova roupagem.

Qual foi a encomenda que mais mexeu com seu ego? Estou esperando por ela (risos).

Todo seu trabalho é encomendado hoje?
sim 80% e 20 % do que eu tenho pronto é vendido diretamente ao cliente.

A classe artística absorve e compra muito a sua arte. Tem alguém em especial que você poderia comentar, que de alguma forma, te da prazer em saber que na casa dessa pessoa, tem uma obra sua?sim tenho vários artistas que tem uma obra ou objeto de uso pessoal, mas o que eu mais fiquei inflado na época não foi nem o Bono do U2 que tem a almofada da Frida Psicodélica mas sim o saudoso do José Wilker que foi um dos primeiros artistas a terem um trabalho meu em sua parede! 

— 

Flammarion Vieira ♣————————-♣
055-11/98158-3203
055-11/3231-3002
♣————————-♣
https://www.facebook.com/atelieflammarion/

Deixe uma resposta